Como remendar câmara furada

Cacos de vidro e espinhos gigantes de arbustos não identificados são apenas parte de duas das minhas experiências com pneus furados. Em casos assim, você pode escolher trocar a câmara por uma nova (isso se for uma pessoa prevenida que carrega consigo uma câmara reserva) e guardar a furada para ser remendada no conforto do lar, ou remendá-la na hora mesmo, de preferência no posto de gasolina mais próximo se estiver sem a sua própria bomba de ar.

Neste vídeo, Talita Noguchi, do bar e bicicletaria Las Magrelas, dá as dicas para não desperdiçar uma boa câmara.

Materiais necessários:

1. Câmara de ar furada
2. Espátulas, lixa, cola, remendo
3. Bomba de ar

Como encontrar o furo, se já não o encontrou quando precisou trocar a câmara para tirar o detrito que a furou ou esqueceu onde ficava:

1. Encaixar a bomba de ar na câmara e levantar a alavanca para prender o bico.
2. Bombear até encher a câmara o suficiente para o ar sair com certa força e velocidade, fazendo barulho ao sair pelo furo.
3. Prestar atenção no barulho de ar saindo para localizar o furo ou rasgo.
4. Se não for muito visível, aproximar a câmara da área entre os lábios e o nariz, que costuma ser mais sensível, para tentar sentir o ar que sai mais fraco, ou mergulhar a câmara em uma bacia, pia ou tanque com alguns centímetros de altura de água, para localizar de onde saem bolhas de ar.
5. Se precisou molhar a câmara para localizar o furo, é importante secá-la antes da próxima etapa.

Como remendar a câmara:

1. Escolher o tamanho do remendo, se tiver mais de uma opção ou for do tipo de “fita de borracha” para recortar.
2. Lixar a área sobre e em volta do furo até a borracha ficar lisa e esbranquiçada, para retirar poeira ou outros detritos da superfície da câmara e evitar que se formem bolhas de ar na cola. A área lixada precisa ser maior do que o tamanho do remendo e da área da cola. Se não tiver a lixa de papel, pode esfregar a câmara no asfalto ou em um canto de parede. Lixas de pé também quebram o galho. E algumas caixas de kit de remendo (as de plástico) têm um dos lados com textura para servir de lixa.
3. Passar a cola em volta do furo com o próprio tubo, evitando usar os dedos para espalhá-la. A área da cola precisa ser maior do que o tamanho do remendo.
4. Esperar a cola secar, até ela perder o brilho e ficar opaca.
5. Se o remendo estiver entre duas películas, retirar apenas a metalizada.
6. Colocar o remendo sobre o furo, com o lado sem película em contato com a cola.
7. Pressionar o remendo sobre a câmara, até as bordas do remendo “derreterem” e colarem na câmara.
8. Encher a câmara, o suficiente para conferir se o ar continua escapando pelo furo e remendo. Cuidado para não encher demais, pois algumas câmaras se expandem muito quando não estão dentro de um pneu, e isso pode forçar e descolar o remendo.

Onde comprar:
Kit remendo: 
http://www.lasmagrelas.com.br/pd-285902-kit-remendo-icetools.html?ct=&p=1&s=1
Remendo e cola: 
http://www.lasmagrelas.com.br/pd-284ce6-estojo-de-remendo-vipal.html?ct=&p=1&s=1
Espátulas: 
http://www.lasmagrelas.com.br/pd-289fbd-espatula-icetoolz-3-pecas.html?ct=6a34b&p=1&s=1

4 Comments

  1. 1-É interessante que a câmera reserva seja sempre 0 Km (nova), pois uma câmera remendada usada como câmera reserva, pode não estar bem remendada e, ser uma caixinha de surpresa quando você precisar substituir a furada pela já remendada anteriormente. Eu prefiro usar a remendada na bicicleta e, deixar a nova como reserva. Depois a situação inverte, quando a remendada furar novamente. Se possível for, seria ideal que todas as 3 câmeras (o que inclui a reserva) sejam novas!

    2-Uma boa dica para quem usa a bicicleta diariamente ou com muita frequência, é instalar fitas anti-furo nos dois pneus da bicicleta. Essa fita fica instalada entre o pneu e a câmera e, quase zera a possibilidade de furos! Só não vai evitar furos, se o objeto perfurante atingir a lateral do pneu (mais raro, mas não impossível. Obs. Isso já me aconteceu), pois a fita só protege a banda de rodagem do pneu (parte que fica em contato com o asfalto)!

1 Trackback / Pingback

  1. Tutoriais gratuitos ensinam mecânica de bicicletas | Código Urbano

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*